Check-up: Saiba quais exames precisamos fazer!

Para manter a saúde em dia, além dos hábitos mais saudáveis, é indispensável fazer alguns exames de rotina. Anualmente, homens e mulheres, principalmente após os 35 anos, devem procurar fazer um check-up, que nada mais é que uma bateria de exames para dar um diagnóstico detalhado sobre as principais funções do organismo.

Os brasileiros não têm o hábito de realizar o check-up anual. Essa atitude é um erro, pois por meio dele é possível descobrir várias doenças em estágio inicial e realizar o tratamento antes que a saúde fique mais prejudicada. Abaixo, vamos mostrar alguns exemplos de quais exames precisamos fazer para ficar em dia com a saúde.

Pressão Arterial

O exame de pressão arterial é bem simples e rápido e pode ser feito por pessoas a partir dos 18 anos. Nele o médico colocará um medidor de pressão no braço do paciente que será inflado enquanto ele mede os batimentos cardíacos.

A partir desse exame, é possível diagnosticar se o paciente sofre de hipertensão, que é um fator de risco para derrames e infartos.

Hemograma

O hemograma é um exame que consiste na contagem dos glóbulos brancos e vermelhos, além das plaquetas. Ele também mede os índices de hemoglobina e hematócitos, dentre outros. O procedimento é feito mediante a coleta de sangue, não necessitando estar de jejum.

Por meio do hemograma, é possível detectar doenças tais como leucemia, infecções, rubéola, sarampo, hepatite e ainda muitas outras cujos sintomas aparecem na variação da contagem dos componentes sanguíneos.

Colesterol e Glicemia

Estes são exames que servem para medir o nível de gordura e açúcar na circulação, sendo realizados por meio da coleta de uma gota de sangue. Eles podem ser feitos desde a infância, mas é a partir dos 18 anos que se torna ainda mais essencial. Depois dos 40 anos, é recomendado um exame de Colesterol e Glicemia por ano .

Com o resultado desses exames, é possível diagnosticar a diabetes e também descobrir se a pessoa tem altos níveis de colesterol e triglicérides, o que propicia a obstrução dos vasos sanguíneos devido a presença de placas.

Papanicolau

No exame de Papanicolau, o médico raspa as células que revestem o colo do útero para fazer uma análise em laboratório. Ele deve ser feito anualmente por todas as mulheres que já iniciaram a vida sexual.

Por meio do exame, é possível identificar alterações no colo do útero, assim como lesões causadas pelo vírus HPV, que podem levar ao câncer do colo do útero.

PSA e Toque Retal

O PSA (Antígeno Prostático Específico) é um exame de sangue que mede o nível desta proteína na sorologia do homem. Já o toque retal, como o próprio nome diz, é feito por meio da introdução do dedo do médico no reto do paciente. A combinação desses exames faz com que seja possível diagnosticar o câncer de próstata ainda na sua fase curável.

Esses exames devem ser realizados anualmente por todos os homens a partir dos 40 anos de idade. Caso existam casos de câncer de próstata na família, é indicado que comecem a ser feitos aos 35 anos.

Eletrocardiograma e Teste Ergométrico

Ambos os exames são feitos a partir de eletrodos sobre o peito para verificar o risco cardiovascular. A diferença é que o primeiro é feito com o paciente deitado e o segundo com o paciente em movimento.

Esses exames podem começar a ser feitos aos 20 anos de idade. Entretanto, é essencial que sejam feitos anualmente a partir dos 40. Por meio deles, é possível detectar entupimentos nas artérias, que levam aos ataques cardíacos.

Check-up renal

O check-up renal consiste em um exame que pode ser feito periodicamente em um nefrologista para que sejam detectadas possíveis doenças nos rins, evitando assim que elas avancem e permitindo que sejam tratadas ainda em sua fase inicial.

Este check-up é indicado principalmente para quem tem familiares com doenças renais e também para os que apresentam sintomas como: pressão alta, diabetes, cistos nos rins, insuficiência cardíaca, infecção urinária ou cirrose no fígado.

TSH

O TSH é um exame que avalia, através de um exame de sangue, se o paciente está com alguma disfunção na tireoide, como o hipotireodismo (baixa produção de hormônios) ou hipertireodismo (produção excessiva de hormônios).

O hipotireodismo pode ser causado por defeito congênito, uso excessivo de medicamentos que contenham lítio ou alterações do sistema imunológico. Já o hipertireodismo pode ser causado por alta ingestão de iodo, inflamações ou tumores.

Avaliação hepática

O figado é um dos órgãos mais importantes do corpo humano, pois é responsável por filtrar as toxinas, absorver vitaminas, regular as taxas de açúcar no sangue e ainda armazenar energia. Portanto, não dá pra esquecer dele na hora de fazer o check-up.

Muitas doenças do fígado não apresentam sintomas imediatos e podem estar em estagio avançado quando diagnosticadas, por isso a importância de incluir este exame em seu check-up mesmo que aparentemente tudo esteja bem.

Agora você já sabe quais exames precisamos fazer anualmente e entendeu a importância do check-up para estar com a saúde sempre em dia. Se quiser ficar por dentro de mais informações como essas, não deixe de assinar nossa newsletter!

Posted in:

2 Comments

  1. Bom dia, entrei na página de vces e gostei muito das explicações sobre os exames
    necessários a serem feitos todo ano no check up, é muito importante que as pessoas saibam quais os exames devem fazer por ano, muito boa a reportagem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *