Sintomas de problemas de visão: saiba como identificá-los

Ter alguma dificuldade para enxergar é algo bastante comum e os sintomas de problemas de visão podem aparecer em qualquer idade. Fatores congênitos, genéticos e até o processo natural de envelhecimento são capazes de fazer com que você precise procurar um médico oftalmologista para cuidar da vista.

No Brasil, mais de 35 milhões de pessoas têm algum problema de visão, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Esse número corresponde a 19% da população.

Será que você faz parte dessa estatística? Neste post, veja como identificar alguns sintomas e o que fazer para cuidar bem dos seus olhos. Continue a leitura!

Visão embaçada

A vista embaçada é a sensação que existe uma névoa na frente dos olhos que dificulta enxergar detalhes com clareza. Algumas pessoas sentem necessidade de fechar um pouco os olhos para conseguir focar algo. Dificuldade para ler de perto ou de longe, e até para ver a fisionomia das pessoas, também são características desse sintoma.

Vários problemas, como catarata, miopia, astigmatismo, presbiopia (vista cansada), glaucoma e hipermetropia podem estar relacionados com essa manifestação. É bastante comum e bem fácil de identificar.

Dificuldade para fazer algumas tarefas

Um sintoma não tão fácil de perceber, mas muito importante, é quando as pessoas passam a ter que se esforçar mais para fazer algumas coisas simples do dia a dia. Por exemplo, ter que esforçar para ver detalhes, sentir insegurança ao dirigir, dificuldade para ler, etc.

Geralmente, elas acabam não relacionando isso com a visão. Algumas pessoas perdem, ainda, a vista periférica, que é a capacidade de enxergar em volta, e também têm a noção de espaço prejudicada.

Esses sintomas aparecem, geralmente, porque a pessoa está perdendo a visão gradativamente e as condições que levam a isso são graves, necessitam de tratamento e algumas são irreversíveis.

Glaucoma, catarata, ceratocone e retinopatia diabética são algumas das doenças visuais que causam a perda visual gradativa e precisam de tratamento médico.

Olhos vermelhos e lacrimejando

Olhos vermelhos podem ser causados pela exposição deles a alguma substância (como cloro da piscina), por infecções causadas por vírus ou bactérias, e também são indicação de algum problema de visão. Em qualquer um dos casos, não é recomendável usar nenhum colírio sem a orientação médica, pois você pode acaba agravando um problema.

Outro sintoma é sentir os olhos lacrimejando com frequência e dificuldade para se adaptar a ambientes com luminosidades diferentes. Essas sensibilidades na vista são importantes, pois são capazes de ser indicativo não só de miopia, glaucoma e outros, mas também de alguma inflamação ou infecção, doenças que se não forem tratadas são capazes de levar à cegueira.

Manchas na visão

Enxergar pequenas manchas em todo lugar também é um dos sintomas de problemas de visão. Existem vários tipos. Algumas pessoas enxergam pontos pretos, outras veem contornos transparentes. Para algumas, essa mancha fica parada e para outras ela fica se mexendo.

Podem indicar catarata, hemorragia, descolamento de retina, entre outros problemas. Como você pode estar com alguma condição grave, é fundamental procurar o médico assim que começar a enxergar a mancha.

A visão é um dos nossos sentidos mais importantes. Ela garante que conheçamos o mundo, socializemos e nos possibilita qualidade de vida. Por isso, dia 10 de julho é o Dia Mundial da Saúde Ocular, que visa conscientizar as pessoas da importância da prevenção para evitar problemas oculares.

Se você tiver qualquer um desses sintomas de problemas de visão, procure imediatamente um médico para diagnóstico. Porém, muitas doenças são assintomáticas e uma consulta anual ao oftalmologista deve fazer parte do seu check-up de saúde para garantir que sua vista esteja em perfeito estado.

Você já teve algum problema ocular? Já fez a sua consulta este ano? Conte para nós nos comentários.

Posted in:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *